Foto: Renato Galloti
Foto: Renato Galloti

O novo conselho diretor do Sindicato dos Empregados em Empresas de Segurança e Vigilância do Estado da Paraíba (Sindvig PB), foi empossado nesta semana em um evento realizado na capital. O presidente eleito, Williams dos Santos, assume o cargo com o desejo de melhorar o atendimento do sindicato para os filiados. “Temos muitos desafios, mas a prioridade é o serviço médico e de lazer para a categoria”, declarou.

Várias autoridades estiveram presentes para prestigiar os os novo conselho como o deputado distrital, Chico Vigilante (PT-DF), o prefeito de Cruz do Espírito Santo, Pedrito, o presidente da Federação Interestadual dos Trabalhadores Vigilantes do Nordeste (FIVES-NE), Cassiano de Souza, além de presidentes de sindicatos de vigilantes do Nordeste. “Há uma pauta de reivindicações dos seguranças e vigilantes para regulamentar a profissão da categoria, junto ao governo federal, além da criação de um piso salarial”, justificou Chico Vigilante.

Para o presidente da FIVES-NE, o papel do vigilante hoje é importante para complementação da segurança pública, já que em vários locai o uso desse profissional é indispensável nos dias de hoje. “Nos estádios de futebol no Rio de Janeiro e em outros Estados, quem faz a segurança interna são os profissionais particulares e fora é a segurança pública. Também tem a questão do transporte de valores que muitas vezes são feitas por pessoas despreparadas, sujeitas a se tornarem vítimas em vez de proteger”, argumentou Cassiano de Souza.

No Estado da Paraíba, são cerca de seis mil pessoas, entre homens e mulheres, que exercem a função de vigilantes e seguranças para o transporte de valores, segurança de locais privados e vigilância patrimonial.

Durante o evento a TV DIÁRIOPB esteve presente registrando e entrevistando a nova diretoria e personalidades.

 

Por Renato Galloti e Sérgio Ricardo

COMPARTILHAR

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO


seis + 7 =