INTERNACIONAL

Calote à ONU de mais de 1 bilhão pode levar Brasil a perder direito de voto na Assembleia Geral

247O Brasil deve 415,8 milhões de dólares, acumulado entre 2016 a 2019. Com o dólar a R$ 4,19, a dívida chega a 1,7 bilhão de reais. O calote pode levar o país a perder o direito de voto na Assembleia Geral das Nações Unidas. Sendo mau pagador e perdendo esse direito, o Brasil fica ainda mais distante da ambição de ser membro do Conselho de Segurança da ONU, que já foi uma prioridade da política externa em governos anteriores.

Hoje, porém, o país está realizando uma política wexterna isolacionista e Bolsonaro já é conhecido no exterior como um governante que tem aversão à ONU.

A ONU já enviou carta de cobrança, informa a coluna Radar da Veja

Mostrar mais

DiárioPB

Portal de notícias da Paraíba, Brasil e o mundo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
PUBLICIDADE