belo X fortalezaO Botafogo-PB conseguiu a primeira vitória na Copa do Nordeste em cima do Fortaleza por 1×0 e conquistou os três pontos na terceira rodada do campeonato, que aconteceu neste sábado (2) no estádio Almeidão, em João Pessoa. O gol foi do atacante Paulo Renê aos 44 minutos do segundo tempo.

O Fortaleza-CE é o atual campeão da Série B do Campeonato Brasileiro, mas na Maravilha do Contorno isso não representou muita coisa. O Belo foi a campo com força máxima e se deu melhor.

Com a vitória, o Botafogo-PB terminou a partida com cinco pontos e assumiu a liderança do Grupo B. Já a equipe comandada por Rogério Ceni terminou com os mesmos quatro pontos que começou e caiu para a segunda colocação do Grupo A.

Primeiro tempo

O Fortaleza começou bem e dominou o jogo nos primeiros minutos, mas o Botafogo chegou e deixou a partida equilibrada até o fim do primeiro tempo, dando trabalho também para a defesa do Tricolor de Aço.

O Belo teve uma boa chance com Nando aos 10′, mas desperdiçou. O atacante deu uma caneta em Paulo Roberto e chutou para o gol, mas a bola foi para a linha de fundo.

Logo após o lance, foi a vez do Fortaleza ir para cima. Depois de uma cobrança de escanteio, uma cabeçada do atacante Junior Santos fez a bola explodir na trave, mas o goleiro Saulo defendeu com o pé.

No primeiro tempo, os times desperdiçaram muitas chances de gol e acabou no 0x0 depois do juiz dar um minuto de acréscimo.

Segundo tempo

Assim como o primeiro, o segundo tempo foi de muitas chances desperdiçadas pelos dois times, mas o Belo conseguiu êxito em um chute. Logo quando a partida foi reiniciada, uma cabeçada de Éderson para o gol assustou o Botafogo, mas não chegou a balançar a rede.

Nos 5′, faltou força na cabeçada de Nando, que recebeu o cruzamento e mandou pro cima do gol de Boeck, sem sucesso para o Belo.

No segundo tempo, o Belo se mostrou melhor fisicamente e insistiu pelas pontas, mas teve dificuldade para desenvolver as jogadas com a marcação cerrada do Fortaleza. As duas equipes seguiram em busca do gol.

Em uma cobrança de falta, aos 44′, Paulo Renê empurrou a bola para o fundo da rede após cobrança de falta de Fábio Alves e fez a felicidade da torcida, que fez festa na arquibancada. 

Portal Correio

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here