TODAS AS CATEGORIAS

Trabalhadores da Cagepa decidirão em assembleia na próxima segunda se retomam as atividades

cagepa-greveOs mais de 2000 trabalhadores da Cagepa, que estão em greve desde o último dia 16 no Estado (exceto João Pessoa), decidirão em assembleia na próxima segunda-feira (07) se retomam as atividades.

Hoje (04) pela manhã a diretoria do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas da Paraíba (Stiupb) e a direção da CAGEPA participaram de uma audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho, em João Pessoa.

 A proposta de acordo discutida no tribunal, hoje, apresenta os seguintes pontos para ser apreciado pela categoria na próxima segunda-feira:

1 – Manutenção das cláusulas anteriores com avanços nas cláusulas sociais

2- Pagamentos do adicional de periculosidade aos motoqueiros

3- Licenças maternidade de 180 dias

4- Cumprimento das NRs no que diz respeito ao fornecimento de EPIs adequados

5- Reajuste dos valores das diárias.

6- Abono dos dias da GREVE.

Essa proposta será apresentada para categoria durante as assembleias que serão realizadas na próxima segunda-feira, (07/07) às 10 horas nas sedes das Regionais da Cagepa, ou seja, Campina Grande, Guarabira, Patos, Sousa e Cajazeiras.

Caso a categoria aprove essa posta, a GREVE terá seu encerramento decretado e os trabalhos serão retomados a partir das 14h00min do dia 07/07.

Não houve qualquer avanço nas clausulas econômicas, assim, a Cagepa permanece com a mesma proposta de reajuste salarial:

1- Os salários e gratificações reajustados em 6,54% (seis vírgula cinquenta e quatro por cento), já implantado na folha de pagamento de Junho/2014, com o devido retroativo a 1º de Maio.

2- Tíquete alimentação no valor mensal de R$ 650,00 (seiscentos e cinquenta reais, ou seja, um reajuste de 10,17%), com retroativo referente ao mês de Maio/2014 (R$ 60,00), totalizando R$ 710,00, que já foi depositado no dia 20/06/14.

3- UNIMED- a Cagepa manteve o valor do reajuste de 8,5% (oito vírgula cinco por cento), sendo repassado para categoria 4% (quatro por cento) e a empresa 4,5(quatro vírgula por cento) será absorvido pela

A Audiência de Conciliação e Instrução do Dissídio Coletivo entre a Cagepa e o Stiupb, foi presidida pelo Desembargador Ubiratan Delgado.

Assessoria

Mostrar mais

DiárioPB

Portal de notícias da Paraíba, Brasil e o mundo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
PUBLICIDADE