México – Há poucos dias no México, onde foi apresentado pelo Querétaro, Ronaldinho Gaúcho foi vítima de insultos racistas de um político da cidade. Por meio do Facebook, Carlos Trevino, que ocupou o cargo de Secretário de Desenvolvimento Social, disse não gostar de futebol e chamou o brasileiro de “macaco”. A notícia ganhou destaque no jornal “Recórd”, do México

Político insulta Ronaldinho pelo Facebook Foto:  Reprodução Internet
Político insulta Ronaldinho pelo Facebook
Foto: Reprodução Internet

Na mensagem publicada na rede social, Trevino reclamou do trânsito caótico na cidade em consequência da apresentação de Ronaldinho no novo clube.

“Eu tento ser tolerante, mas odeio futebol e o fenômeno idiota que acontece. Eu odeio ainda mais porque as pessoas entopem e enchem as avenidas, e demoramos duas horas para chegar em casa. E tudo para ver um macaco. Brasileiro, mas ainda macaco. Isto já é um circo ridículo”

Até o momento, nem o clube, nem o jogador se manifestaram sobre o caso. Recentemente, no Brasil, o goleiro Aranha, do Santos, foi vítima de racismo na partida contra o Grêmio, em Porto Alegre. O clube gaúcho foi excluído da Copa do Brasil devido ao incidente.

O Dia

COMPARTILHAR

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO


− um = 5