Estados Unidos – Uma situação para se lamentar no mundo do boxe essa semana. O evento ‘Friday’s Premier Boxing Champions’, no card FS1, foi protagonista da luta mais rápida de boxe da história por um simples motivo: desistência.

O americano Curtis Harper abandonou o ringue com um segundo de luta. O motivo, segundo um jornalista da ‘PBC’, é que o atleta considerou o valor recebido pela luta muito abaixo do merecido. O protesto foi para que lhe respeitassem, mas o público é quem se viu desrespeitado e vaiou a atitude do atleta.

Efe Ajagba, adversário de Curtis, foi declarado vencedor do confronto que durou 1 segundo. Os boxeadores foram apresentados, se cumprimentaram, ouviram as instruções do árbitro e Curtis saiu pelas cordas em direção aos vestiários sob vaias.

O DIA

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO