ENTRETENIMENTO

Filme escolhido em edital da Funesc tem poema de Marconi Araújo e voz de Maria Soledade

Os poetas acadêmicos Maria Soledade, de Alagoa Grande, e Marconi Araújo, de João Pessoa, participam do filme “Isolamento rural”, de Leonardo Gonçalves, que trata da da experiência do isolamento social na zona rural, atendo-se na observação do cotidiano de uma família de agricultores que vive no Assentamento Maria da Penha II, localizado na cidade de Alagoa Grande – PB. A camponesa Maria Irece (63 anos) e seu marido Cristóvão (68 anos) compartilham como suas vidas foram afetadas por causa do coronavírus

O projeto é fruto de um edital criado em virtude da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que contemplou mais de 100 artistas paraibanos para apresentações gravadas em vídeos, durante o período de isolamento domiciliar.

Maria Soledade é poeta repentista e Marconi Araújo é cordelista, ambos membros efetivos da Academia de Cordel do Vale do Paraíba. Marconi é autor da letra e Soledade canta o tema, fechando o filme de Leonardo Gonçalves, carioca, filho de paraibanos e radicado em um assentamento rural no brejo da Paraíba.

No Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=F3JCP8zy2TI

Assessoria

Mostrar mais

DiárioPB

Portal de notícias da Paraíba, Brasil e o mundo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar