MÚSICA

Cirandeira Lia de Itamaracá receberá título de Doutor Honoris Causa pela UFPE

Na última sexta-feira (09), a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) aprovou, durante reunião do conselho universitário, a concessão do título de Doutor Honoris Causa à cirandeira Lia de Itamaracá.

O título é concedido por universidades a personalidades que, de alguma forma, contribuam, ou tenham contribuído, para o progresso da universidade, da região ou do país, ou que se distinguiram em virtude de atuação a favor das ciências, das letras, das artes ou da cultura em geral. A solenidade de entrega do título ainda não tem data definida.

Batizada Maria Madalena Correia do Nascimento, mas popularmente conhecida como Lia da Ciranda, a artista pernambucana de 75 anos canta desde os 12, idade com a qual gravou seu primeiro LP, em 1978. Também é dela o título de rainha da ciranda, este concedido pelo povo pernambucano. Ela é reconhecida, também, como Patrimônio Vivo de Pernambuco.

Foi na ilha de Itamaracá onde Lia nasceu, iniciou sua carreira e de onde nunca saiu. “Itamaracá é minha praia. O dom que eu tenho quem me deu foi Deus. Eu vivo esse sonho de ser cantora aqui em Itamaracá. Adoro fazer ciranda, adoro cantar”, declarou Lia ao Brasil de Fato Pernambuco, em entrevista de 2016.

Mostrar mais

DiárioPB

Portal de notícias da Paraíba, Brasil e o mundo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
PUBLICIDADE