É bem verdade que o problema já vem há alguns anos, mas mesmo assim isso não diminui a culpa do atual gestor municipal Luciano Cartaxo, tendo em vista que o cidadão ao assumir o comando de uma cidade tem que arregaçar as mangas e enfrentar todos os desafios existentes, principalmente aqueles mais graves e urgentes. Temos aqui no nosso litoral o Cabo Branco com sua Ponta de Seixas, o ponto mais oriental das Américas, citados em todos atlas geográficos que circulam pelo mundo afora, tornando assim a nossa cidade e o nosso Estado conhecido no mundo inteiro, como o ponto extremo das Américas. Nada disso parece importante para o prefeito Luciano Cartaxo, que mesmo avisado que a barreira vinha paulatinamente ruindo, em todo mandato jamais deu a menor importância aquele importante espaço geográfico, fazendo sequer um replantio de árvores de sustentação, o que já ajudaria na sua contenção.

A RUÍNA DA BARREIRA DO CABO BRANCO II

Há algum tempo o seu secretário da Seinfra revelou a imprensa que existiria em caixa 1o milhões para obra de contenção, valor bem próximo da execução de toda drenagem no platô do Cabo Branco. Como o mesmo não fez absolutamente nada ali, tanto que parte da estrada acima da barreira já ruiu, obrigando a se utilizar um via que o prefeito sequer teve a capacidade de pavimentar se percebe que a situação verdadeiramente é dramática. A grande preocupação agora é com o pleito que se avizinha, pois caso o atual prefeito consiga se reeleger estará decretado o fim de nossa barreira, pois quem não fez absolutamente nada num mandato inteiro, certamente não o fará no segundo mandato e ai teremos o fim da barreira, o fim do extremo das Américas. Gente vamos e ter mais cuidado em quem vamos eleger em outubro próximo para governar a nossa cidade.

NONATO BANDEIRA DE VOLTA AO SEU ACONCHEGO NO PSB

Nonato Bandeira sempre foi fiel aliado de Ricardo Coutinho e tinham uma longa caminhada juntos. Há cerca de cinco anos depois de muita briga em razão da amizade que ele Nonato nutria pelo falecido prefeito Luciano Agra se deu o rompimento de Nonato com Ricardo Coutinho com muitas acusações e ofensas, indo Nonato por indicação de Agra ser vice de Luciano Cartaxo e nunca mais sequer se cumprimentaram. Agora sem mais nem menos já no fim do mandato de Cartaxo ele Nonato revela o seu prestigio na máquina municipal, com cortes de verbas para a vice-prefeitura e no apagar das luzes, rompe com Cartaxo e retorna ao projeto de Ricardo Coutinho como se nada tivesse acontecido. Esta semana critiquei aqui é mal ajambrado união que se pretende entre José Maranhão e Cássio Cunha Lima com o objetivo de conquistar a Prefeitura de nossa capital e o faço também agora com esse reencontro de Nonato Bandeira com Ricardo Coutinho busca do mesmo objetivo, conseguir a qualquer preço a Prefeitura de João Pessoa. E alguém poderá perguntar e o povo como vai interpretar essas incoerências? Ora, nem é bom escrever aqui o que eles pensam sobre o povo.

PMDB SE ENAMORA COM O PSDB, MAS NÃO ENTREGA OS CARGOS NO GOVERNO.


Por falar em incoerências, há muito tempo José Maranhão e o seu PMDB andam juntos com o PSB e consequentemente com o projeto politico de Ricardo Coutinho. Por conta dessa união ocupam na estrutura governamental, cargos importantes, sendo o mais emblemático deles a secretaria ocupada pelo deputado pemedebista Trocolli Junior, que abriu espaço para que a sobrinha de José Maranhão Olenka, que se encontrava como primeira suplente da coligação retornasse para a Casa de Epitácio Pessoa. Agora já praticamente rompido e já armando o torto namoro com o PSDB, os dirigentes do PMDB nem falam em devolver os cargos que ocupa, obrigando assim que o deputado Tião Gomes fosse a público pedir aos mesmos que tivessem a decência de antes de romper estregar os cargos, o que até agora não fizeram. Vai ver vão esperar até a vigésima quinta hora.

LUIZ COUTO NÃO ASSINA PEDIDO PELA TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO

Na semana que passou os parlamentares paraibanos, ou seja, os deputados federais e senadores assinaram um documento solicitando ao presidente Michael Temer urgentes medidas para acelerar as obras do Rio São Francisco, que irá trazer água para várias regiões do Nordeste e consequentemente aqui para nossa tão castigada Paraíba, tendo todos prontamente assinado tal documento a ser levado ao presidente. Procurado para também assinar o deputado Luiz Couto em razão do afastamento da presidente Dilma Rousseff do seu partido o PT inexplicavelmente se recusou a assinar o importante documento, tentando assim como sempre faz tentar agradar a presidente Dilma Rousseff e a cúpula do PT. Luiz Couto é um deputado medíocre avesso a tribuna e que circula no baixo clero daquela Casa de Leis, tanto que em 12 anos do PT no poder o mesmo jamais foi lembrado para absolutamente nada, sequer para uma eventual liderança do governo, como aconteceu recentemente com o inexpressivo deputado acreano Sibá Machado. Uma perguntinha: um parlamentar que perde para Sibá Machado vai ganhar para quem?

MAGNO MALTA QUER INVESTIGAR AS VERBAS DO EXTINTO MINISTÉRIO DA CULTURA

O senador Magno Malta não perde tempo e vendo essas manifestações para a permanência do agora extinto Ministério da Cultura, já encabeça uma proposta para instalar uma CPI para apurar conexões das renúncias fiscais para projetos artísticos, sangrando o dinheiro da Petrobras – maior patrocinadora das artes. Já se sabe que quem realmente vinha tirando proveito desses projetos do Ministério da Cultura eram consagrados artistas, obras estrangeiras e até o Banco Santander que levou alguns milhões para o seu projeto ‘Santander Cultura’. Dizem que tem até mesmo um famoso compositor e aprendiz de cantor, que com os milhões que recebeu desse malfadado ministério adquiriu uma bela mansão em Paris, para onde ameaça migrar, caso Dilma deixe em definitivo o poder. Vai ver o dito cujo temer ter que devolver a bela grana.


CÂMARA DE JOÃO PESSOA VAI HOMENAGEAR O JUIZ SÉRGIO MORO

O Juiz Sérgio Moro que comanda a Operação Lava estará em João Pessoa no próximo dia 28, quando ira participar de um evento no Tribunal de Contas do Estado (TEC). Nesta oportunidade por iniciativa do vereador Bruno Farias o mesmo irá receber um título de cidadão pesssoense e a Medalha Cidade de João Pessoa por iniciativa do vereador Lucas de Brito, os dois em razão dos relevantes serviços prestados ao País e consequentemente ao Estado da Paraíba e a capital paraibana. Tanto Bruno Farias quanto Lucas de Brito justificaram as honrarias, dizendo que ele Moro vem dando uma significativa contribuição ao País, ao mandar para a cadeia figuras conhecidas do mundo empresarial e político que até então se achavam acima do bem e do mal. Como os nossos vereadores ao longo dos anos, usaram e abusaram da entrega dessas comendas a todo tipo de gente e o fazendo sem nenhum critério, os títulos ali distribuídos perderam muito do seu valor, tanto que existem pessoas que até se recusam a ir ali recebe-los. Penso que Sérgio Moro é muito maior do que os títulos que irá receber das mãos dos nobres vereadores.


LUCAS DE BRITO COBRA DA PREFETURA COMBATE AO MOSQUITO AEDES AEGYPTI


O Vereador Lucas de Brito (PSL) fez um alerta, nesta quarta-feira (18), sobre a tríplice epidemia do mosquito Aedes Aegypti que assola o país e que está fazendo, cada vez mais, vítimas em João Pessoa. Lucas chamou atenção para a precariedade dos esforços da Prefeitura no combate ao mosquito e cobrou a efetivação das Leis aprovadas, na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), e que colaboram para a luta contra o Aedes.“ A Câmara fez a sua parte, aprovando matérias importantes na guerra contra o mosquito, mas nós não vemos protagonismo por parte da Prefeitura. A Lei nº 13.173 de nossa autoria, que autoriza a aplicação de multas para quem colaborar com a proliferação do mosquito, já está em vigor, mas a Prefeitura não se utiliza desse instrumento”, disparou Lucas.


LUCAS DE BRITO COBRA DA PREFETURA COMBATE AO MOSQUITO AEDES AEGYPTI II

De acordo com dados do Ministério da Saúde, os casos de Zika, Dengue e Chicugunya cresceram exponencialmente em 2016. Só nos 3 (três) primeiros meses deste ano, foram registrados mais de 802 mil casos de Dengue, em todo o país. Na Paraíba, em 2015, foram contabilizados 3.750. Em 2016, apenas nos 3 (três) primeiros meses já foram notificados 18.402. Um aumento alarmante de quase 500%, comparando o primeiro trimestre de 2016 a todo o ano de 2015. Com relação à febre Chicugunya, em 2015, a Paraíba registrou 5 casos. Agora em 2016, entre os meses de janeiro e março, já são 886 casos. Vale lembrar que, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil chegou a erradicar o Aedes Aegypti, no século passado. “Esses surtos estão fugindo ao controle das autoridades sanitárias, mas o estouro no número de casos de Dengue, Zika e Chicugunya reflete o descaso com que a saúde pública está sendo tratada em João Pessoa. Não vemos reações por parte da Prefeitura. Apesar das medidas realizadas pela Câmara, para dotar a prefeitura de instrumentos de combate.

ALBERGIO GOMES MEDEIROS SOBRE O MINISPÉRIO DA CULTURA – PRESIDENTE TEMER NÃO RETROCEDA


Presidente “Teme” não retroceda e não desista da extinção do Ministério da Cultura. Não fraqueje nem ceda diante das ignóbeis pressões. Outra coisa acabe com essa preocupação de atender aos fiscais da melatonina e de formações cromossomiais. Pare com isso. O País precisa correr do atraso que quadrilheiros o levaram. Na verdade esse povo contrariado com a entrada de Temi – como chamam os petistas – a toda hora tentam criar algum fato, para assim queimar o novo governo. Primeiro foi a falta de mulheres no Governo e agora se agarraram na extinção desse Ministério da Cultura, que na verdade vinha apenas atendendo aos interesses de uns poucos artistas já consagrados. Na Inglaterra, só para citar um exemplo, onde a cultura é bem forte, não existe e nunca existiu Ministério da Cultura e nem por isso deixou de ter a sua cultura destacada no mundo inteiro. Esse povo quer mesmo é aparecer.

http.www.blogdopedromarinho é publicado em quatro portais

COMPARTILHAR

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO


+ 8 = dez