TELEVISÃO

Ministério Público é acionado para investigar quatro participantes do Big Brother

O jornalista Guilherme Amado, em sua coluna no jornal Época, relata que “o deputado estadual do Rio Átila Nunes, do MDB, apresentou nesta quarta-feira uma representação contra quatro participantes do Big Brother Brasil deste ano.São eles: Nego Di, Projota, Karol Conká e Lumena”.

Segundo o jornalista, “o pedido foi apresentado à Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância e solicita a abertura de uma investigação para apurar os fatos.O deputado afirma que os participantes cometeram o crime de vilipêndio religioso, que é quando alguém escarnece de alguém publicamente por motivo de crença religiosa”.

247

Mostrar mais

DiárioPB

Portal de notícias da Paraíba, Brasil e o mundo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar