Lula está indignadoOs senadores Jaques Wagner (BA) e Humberto Costa (PE) visitaram Lula em Curitiba, nesta quinta-feira (7), um diz após a decisão da juíza Gabriela Hardt que o condenou no caso do sítio de Atibaia. De acordo com os parlamentares, o ex-presidente ficou indignado com a decisão.

“Ele não é um homem que se abata ou se surpreenda. Na cabeça dele, está claro que os julgamentos dele são sempre políticos. Mas recebeu a notícia com muita indignação”, disse o ex-ministro e atual senador Jaques Wagner.

De acordo com o Wagner, “a determinação dele é que a gente aqui fora continua essa batalha na defesa dele e do PT”, pois está claro que há uma tentativa de destruir o legado do partido.

“Agora vemos uma onda conservadora no mundo, mas as pessoas não vivem só desses valores, as pessoas vivem no dia a dia concreto e não me lembro de nenhum outro momento onde o concreto, emprego, prosperidade, tenha sido tão consistente quanto os oito anos de Lula”, lembrou o senador.

Humberto Costa, por sua vez, disse que Lula “está bem-disposto, com o ânimo elevado”, mas reforçou que ele está “indignado com as injustiças desse processo cheio de fragilidades”.

Segundo os parlamentares, Lula criticou a sentença do caso relacionado ao sítio de Atibaia, apontando a incongruência entre a total falta de provas e mesmo de um crime identificado, com um sítio que valeria no máximo R$ 1 milhão, mas com uma multa de R$ 84 milhões.

Sobre o argumento utilizado pela juíza de que Lula como presidente não poderia ter cometidos os crimes que eles o acusam, Humberto Costa enfatiza que “ele nem poderia ter qualquer ação porque estava há 4 anos fora da Presidência da República”.

Segundo o senador, Lula “é uma pessoa otimista quanto ao Brasil, quanto ao povo brasileiro, e mais cedo ou mais tarde a justiça vai se fazer”.

Brasil 247

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO