ECONOMIA

Endividamento dos mais pobres aumenta e volta a patamar recorde

247 – O endividamento dos brasileiros mais pobres voltou a patamar recorde. Em abril, 22,3% da população com renda de até R$ 2.100 se dizia endividada, apontou um levantamento do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Apenas 3,9% dos brasileiros com ganho superior a R$ 9.600 afirmam estar se endividando. Os dados foram publicados pelo portal G1.

“A capacidade das famílias de baixa renda de construir uma poupança foi se esgotando conforme houve uma interrupção de vários programas do governo”, afirma Viviane Seda, pesquisadora do Ibre.

De fevereiro para março, a Serasa contabilizou mais de 1 milhão de inadimplentes no país, chegando a 62,56 milhões de pessoas. Foi o segundo maior avanço mensal de toda a série histórica.

Mostrar mais

DiárioPB

Portal de notícias da Paraíba, Brasil e o mundo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar