FUTEBOL

Clubes precisam resolver pendências judiciais do Gol de Placa para ter direito ao novo programa “Incentiva Esporte”

Os clubes de futebol do Estado que ainda não resolveram as questões envolvendo fraudes no extinto programa “Gol de Placa”, deverão se apressar e buscar acordos para as pendências junto ao Ministério Público da Paraíba (MPPB). O ato se faz necessário para que eles possam receber os benefícios do novo programa estatal “Incentiva Esporte”, cujo lançamento ocorrerá na próxima segunda-feira (13), em solenidade na Vila Olímpica Parahyba Ronaldo Marinho, em João Pessoa.

A informação foi confirmada pelo governador João Azevêdo, nesta segunda-feira (7). “Para que qualquer clube participe do novo programa, eles deverão estar regularizados, e uma das condições é que esse processo referente ao ‘Gol de Placa’ esteja definitivamente assinado em termos de ajustamento de conduta [TAC], ou termos de leniência junto ao Ministério Público. Isso será uma condição para que a gente possa tocar um outro projeto, num outro formato para evitar os problemas que tivemos recentemente”, afirmou.

A criação do novo programa “Incentiva Esporte” foi anunciado por João Azevêdo durante a solenidade de prestação de contas do Governo referente ao exercício de 2019 e anúncio dos investimentos para 2020. Segundo o governador, a medida implantará investimento de R$ 7 milhões neste primeiro ano, contemplando, além do futebol, as demais modalidades esportivas profissionais e amadoras.

FRAUDE

O Governo da Paraíba identificou, por meio da Secretaria de Estado da Receita (SER), em 2019 que os clubes paraibano fraudaram o Gol de Placa nos últimos anos. De acordo com o órgão, os clubes utilizaram CPFs irregulares no registro da troca de notas fiscais por ingressos para jogos do futebol profissional. Até documentos de pessoas que já morreram foram usados para a troca de ingressos.

As diretorias dos clubes paraibanos chegaram a admitir na época que fraudaram o programa nos últimos anos a fim de receber de maneira mais rápida os recursos do Gol de Placa. Para alguns times, os recursos são a principal fonte de renda para os clubes manterem suas atividades profissionais.

Mostrar mais

DiárioPB

Portal de notícias da Paraíba, Brasil e o mundo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
PUBLICIDADE