Junho já chegou e com ele as celebrações dos dias dos três santos Santo Antônio, São João e São Pedro. O arcebispo da Paraíba, Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz explicou o significado dos três santos e o porquê do costume de acender fogueiras, principalmente no Nordeste do país.

Dom Delson explicou que Santo Antônio foi um frade português e que a celebração acontece no dia que antecede a morte do religioso, comemorando sua ascensão aos céus. “É a festa da vitória sobre o pecado e a morte. A ressurreição prometida por Jesus aos seus servos”, disse.

O arcebispo também explicou qual o João comemorado no dia 24 de junho, se o Batista ou o apóstolo. “A lembrança é ao João Batista que instituiu o batismo. Nesta data celebramos a vida de João que pregava o batismo nas águas e que viveu uma vida de penitências e conversão. Viveu no deserto, se alimentava de gafanhotos e pregava a verdade nua e crua. Foi ele quem apresentou Jesus à margem do [rio] Jordão afirmando “este é o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”, explicou.

São Pedro é considerado o precursor de Cristo pela Igreja Católica e o primeiro papa. De acordo com Dom Delson, ele foi o escolhido por Jesus para ser o coordenador da comunidade apostólica. É considerado o vigário de Cristo, que depois da morte de Jesus ficou à frente da igreja, a figura é muito importante, Jesus o escolheu dizendo: “sobre esta pedra edificarei a minha igreja”.

A origem das fogueiras é incerta e o arcebispo contou que diz a lenda que elas surgiram com o nascimento de João Batista que para anunciar a chegada do menino combinaram um sinal de fumaça, já que não tinham meios de comunicação.

por Portal Paraíba

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here