Fora da Copa do Mundo devido à fratura na terceira vértebra lombar, o atacante Neymar já não integra, fisicamente, a Seleção Brasileira. Ele deixou a Granja Comary às 13h55min deste sábado, a bordo de um helicóptero-ambulância, e foi para sua residência no Guarujá-SP, onde continuará a recuperação. Já deitado na maca dentro da aeronave, ele fez sinal de positivo para os jornalistas.

Equipe seleção

Neymar se despediu dos companheiros logo após o almoço. O jogador foi aplaudido de pé pela comissão técnica e pelo grupo. Emocionado, o craque deixou uma mensagem de incentivo aos que jogarão o restante da Copa. “Me tiraram o sonho de disputar uma final de Copa do Mundo, mas o sonho de ser campeão mundial ainda não acabou. Faltam dois jogos e tenho certeza de que meus companheiros vão fazer de tudo para levantar esta taça”.

O jogador se contundiu durante o segundo tempo da partida em que o Brasil venceu a Colômbia por 2 a 1, na sexta-feira, em Fortaleza, garantindo vaga nas semifinais do Mundial. Assim, o camisa 10 está fora não só do jogo com a Alemanha, terça-feira, em Belo Horizonte, mas também de uma possível final, dia 13, no Rio.

Chegou-se a cogitar a permanência do craque com o grupo. Porém, depois de muita conversa entre médicos, jogador, técnico Luiz Felipe Scolari e outros integrantes da comissão técnica, concluiu-se que o melhor é que ele vá se recuperar em casa, até por conta dos constantes deslocamentos que a delegação é obrigada a fazer.

Neymar chegou a brigar pela artilharia da Copa, tendo marcado quatro gols. Agora, se vê alijado da disputa.

Fica a esperança de que ele seja campeão mundial. Para isso, ficará na torcida pelos companheiros, que terão a difícil missão se suprir sua ausência como principal referência da equipe e vencer os dois jogos que faltam para se chegar ao hexa.

Com 22 anos, Neymar tem ao menos mais duas copas pela frente, se não se lesionar gravemente. Ou seja, ainda pode chegar a três títulos mundiais.

Superesportes

COMPARTILHAR

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO


− oito = 1